06 maio 2005

É tiro e queda...

Sempre que se fala de Auschwitz aparece alguém ...que sim mas...os Gulags, os palestinianos.
Ora eu não uso lentes unifocais. Não tenho a pretensão de querer redimir a humanidade nem resolver os seus problemas...
Quero apenas que os meus filhos saibam que o ser humano foi capaz de (entre outras coisas):
- Auschwitz, Gulags, Shabra e Shatila, Cruzadas, Inquisição, Tarrafal, Srebnice, Ruanda, Lidice, 11 de Setembro, a proibição do uso do preservativo quando a epidemia de SIDA existe...

porque acredito que o CONHECIMENTO os vai proteger de seguirem líders iguais aos que provoca(ra)m estas tragédias.

Nota: conheci pessoalmente 3 sobreviventes de Auschwitz, dois judeus e um polaco, que ostentam (um ainda é vivo) "orgulhosamente" o número tatuado de prisioneiro para que ninguém esqueça.

4 comentários:

tutancamone disse...

memória,coragem,frontalidade e persistência.
pena tenho de viver num país com tão poucas mulheres ao comando
bj

jotakapa disse...

Exacto. Essa memória é importante que exista, para que as pessoas não se esqueçam dos erros cometidos no seu dia-a-dia.

Tão só, um pai disse...

Eva, bom dia,

Espero que o teu desabafo não tenha a ver com o que escrevi. Fi-lo no sentido de chamaar a atenção para o facto de estas memórias pecarem muito por defeito, relativamente à época a que se referem, o que torna tudo ainda mais perturbador.

Beijinho bom.

Eva Lima disse...

TsUp,
não foi o teu comment só, é por ser recorrente...holocausto-palestinianos, 25 de Abril-PREC, Hitler-Stalin. Parece-me que há quem tente sempre justificar um mal com outro.