30 outubro 2007

Jardins de Viseu


Jardim Alves Martins, em frente ao seminário


Viseu é uma cidade conhecida pelos seus jardins bem cuidados.
Daqui dou os meus parabéns à equipa de jardineiros do município. Dá gosto passear pela cidade, admirar as cores dos seus jardins, pequenos e grandes.

Claro que nem tudo é perfeito. Os jardins do centro da cidade estão de facto sempre bem cuidados mas, os dos bairros periféricos, raramente assim estão .

A mata do Fontelo necessita, urgentemente, duma intervenção profunda. Eliminar as mimosas, heras e outras infestantes, bem como realizar uma poda cuidada às árvores centenárias.
A Cava de Viriato é outro mau exemplo, como tem retratado o AJ.

Como dizia (ou escrevia) Alves Martins:(click na foto para ler)

Os gatos vão de passeio




Os inanimados na loja

28 outubro 2007

Apfelstrudel - Strudel de Maçãs - jablečný štrudl




Mais um pecado para a dieta que não comecei.


Para a massa:
500g de farinha com fermento, 1 ovo, 250g de margarina, 2 colheres de sopa (cs) de vinagre, 8 cs de água.
Amassar tudo muito bem, fazer um rolo, envolver em papel vegetal e deixar cca de 2 horas no frigorífico.

Recheio: 2-3 kg maçãs, 6cs de acúcar, canela qb
Depois dividir a massa em 3 partes mais ou menos iguais e, com o rolo da massa, estender até se conseguir um "pano" fino, mas sem buracos.
Encher cada um dos rolos com maçãs descascadas e cortadas fininhas, polvilhar com 2 cs de açúcar e canela. Fechar os rolos e levar ao forno a 200º, em tabuleiro cca de 30 minutos.
Podemos pincelar com gema de ovo para dourar.

Em alternativa, podemos usar uma folha grande de massa folhada ou areada, pré-feita.

Receita em duplicado

26 outubro 2007

Do baú II




Não sei muito bem o que seria, talvez um centro de mesa.
Sei que é um trabalho lindíssimo, feito com 5 agulhas, por uma tia.

Creio que daria um xaile fantástico, se eu fosse capaz de o copiar...
Ou uma manta como a deste talentoso rapaz

25 outubro 2007

Pois

eu também gostava de ser assim.
E de não precisar de gritar, tanta vez, para que os meus filhos ouçam alguma coisinha do que eu digo. Especialmente os já-adultos.

23 outubro 2007

Do baú da minha infância



A febre das mantas de quadrados que atravessou os continentes blogosféricos trouxe-me à memória a manta que cobriu a minha infância. Feita pelas mãos habilidosas da minha mãe.
Lá ganhei coragem para ir remexer nas arcas e baús, herdados por morte da minha mãe, há cinco anos.
E lá estava ela. Colorida, quente e com uns quantos buracos a precisar de coser.



*O baú, embora sendo o original, já foi restaurado por mim.

21 outubro 2007

...

Criámos um mundo onde existem o Ocidente e o Oriente, os muçulmanos e os cristãos, o norte e o sul, mas o verdadeiro choque de culturas, a verdadeira diferença situa-se entre os idiotas e os não idiotas.

Marjane Satrapi, escritora iraniana, in Visão

Bolo de maçã




100 g de margarina/manteiga, 250g açúcar,4/6 ovos*, 250g farinha com fermento, 4 maçãs

Descascar e cortar as maçãs em fatias fininhas com umas gotas de limão, para não escurecerem.

Bater a manteiga com o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Juntar as gemas, e bater novamente. Bater as claras em castelo. Juntar, alternadamente, as claras e a farinha, e mexer suavemente com uma colher.
Numa forma sem buraco, untada e enfarinhada, dispor uma camada de massa, uma de maçãs, outra de massa e, no fim, maçãs.
Forno a 180º, 40 m. Uns minutos antes de retirar do forno, pincelar com geleia para ficar dourado (ou não!).

* a quantidade de ovos (4/6) varia com o tamanho das maçãs, se forem pequenas faz-se com 4 ovos.

18 outubro 2007

Novo projecto


Escolhido pela Teresa. Modelo cor e até a lã, fofa.
É um tricot trabalhoso, com muitas tranças e torcidos. Nada monótono.
Gosto muito deste tipo de tricot, só não faço mais porque assentam realmente bem a mulheres altas. Não é o caso do meu 1,50m.
O que não me seduz muito neste trabalho é a receita. Seguir receitas não é o meu forte, deixa pouca margem à criatividade.




Toda a gente gosta duma boa polémica.

15 outubro 2007

Cores



Uma visita ao Arbutus do Demo e fica-se de alma lavada.

14 outubro 2007

Méme ecológico ou o que cada um faz, conta

A propósito desta acção, desafio-vos a expôr a vossa contribuição para um planeta mais verde.


As minhas manias ecológicas são apenas uma pequena (íssima) contribuição mas, se pensarmos que estas pequenas coisas podem/devem ser multiplicadas pelos 6 cá de casa e depois por 10, 100, 1000, 100 000, contam mesmo.

- Evito desperdícios. De comida, energia, água, vestuário...
Com as água exagero mesmo, dizem os filhos. Não há banhos de emersão, torneiras a correr para lavar os dentes. Os legumes lavam-se numa bacia e reutilizo a água para a rega.

- Evito usar plásticos. Trago na carteira sempre um ou dois sacos de pano e recuso os sacos nas lojas. Não se usam palhinhas para beber, nem copos ou colheres de plástico.

- Evito usar gurdanapos ou papelde cozinha. Usamos sempre de pano.

- Evito comprar produtos oriundos de países longínquos. Não quero contribuir para o aumento do uso de combustíveis fosseis no transporte dos mesmos.


Mas, há sempre um, ou vários mas, tenho vícios difíceis de desaprender:
-
uso demasiado o automóvel, embora usando biodiesel e óleo vegetal.
- uso pouco transportes públicos.

Mais aqui

13 outubro 2007

Viciante


Mais uma manta, para uma Sofia, a nascer em Janeiro.
A primeira neta a nascer no grupo de amigos ... Ai, ai, se a moda pega.

09 outubro 2007

Novidades

... na loja.
São lindos e fofinhos.

04 outubro 2007

Dia dos amigos - os animais

O Dia Mundial do Animal foi lançado em 1931, numa convenção de ecologistas em Florença, como um meio de dar visibilidade ao problema das espécies em risco.


Já aqui falei muitas vezes de animais, dos meus e dos outros.

Hoje deixo apenas uma foto, tirada na casa da aldeia, do nosso Clermont com a criançada.




Nota: Clermont porque nasceu em Clermont-Ferrand, numa escola de cães-guia, e foi oferecido à escola de Mortágua.

03 outubro 2007

Makeover

Encostado ao contentor do lixo, do lado de lá da rua, este saco




um candeeiro em mau estado, mas completo



uns dias a amadurecer.



uma pintura



e voilá