18 abril 2005

booommmmmm jia

6,45h
«mamããã, (pausa)
papááá, (pausa)
mamãããã,
papáááá»,(até um de nós se levantar).

Estás na caminha, de pé, tigre calvinesco debaixo do braço, com
a mão esquerda esfregas os olhinhos, graaande sorriso malandreco nos lábios.
«Bom dia príncipe!
booom jia, cacu*»

Há acordar mais doce? Mesmo a horas impróprias?

*leite com cacau

2 comentários:

Tão só, um pai disse...

Bom leitinho para o Alexandre.
Beijinho.

Anna^ disse...

Com tamanha doçura até nos esquecemos de olhar novamente para o relógio :)

Bjokas e uma boa semana ":o)