17 setembro 2008

Histórias de amor e tolerância

O Clermont treina-se afincadamente para a sua próxima função, cão-guia.


Este gatito está à procura de casa: na semana passada, o meu vizinho tocou-me à campainha às 23h e 30 mn porque o nosso carro estava a miar. Pensou que nos tínhamos esquecido da Lala no carro. A Lala dormia descansada no cadeirão da cozinha, era um gatito pequenino, esfomeado, que estava enroscado no motor, para se aquecer. O 3 primeiros dias só comia, parecia uma bola com patas... Agora brinca com tudo e com todos, embora a Lala não lhe ache grande piada.

Por favor, por favor, por favor,não POSSO ter mais animais em casa. Quem se candidata?

De Famílias de Acolhimento está também muito necessitada a Escola de cães-guia, neste momento tem 5 cachorros (oferecidos) e não tem famílias onde colocá-los.
Se viver nas zonas de Viseu, Coimbra, Figueira da Foz ou Aveiro, ajude. É muito gratificante.
Estou sempre disponível para dar mais informações por e-mail.

4 comentários:

Eva Lima disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro disse...

Boa noite.
Recebemos um email que referia a necessidade da vossa escola em arranjar famílias de acolhimento para cães guia.
Assim, queríamos indagar quais os procedimentos a adoptar para que nos tornemos família de acolhimento...
Vivemos na zona indicada.

Márcia Carvalho disse...

Eva, eu estaria interessada em acolher o gato mas a questão é a distância. Eu estou em Lisboa!! O meu mail é: ummundonovo@gmail.com

Eva Lima disse...

Pedro,
se me der um contacto seu (e-mail seria o mais fácil) estou disponível para todas as informações.
O meu contacto: eva.lima@netvisao.pt