04 junho 2007

Quem dá mais?


(A Endemol) prepara-se para estrear na Holanda um programa televisivo em que doentes terminais fazem doações de órgãos, em directo, a outros doentes que entre si vão disputar os fígados ou os rins de que precisam.
É extraordinário que uma Europa onde, desde o tamanho do carapau às características dos brinquedos infantis, tudo está regulado, não haja uma directiva que ponha fim aos actos terroristas desta Al-Qaeda telivisiva.


Miguel Sousa Tavares - Expresso 2/6/2007


Assino por baixo e pergunto: isto não será mais nocivo à saúde (mental) que um cigarrito?

5 comentários:

mãe disse...

Um programa assim seria d eum mau gosto extremo. Mas parece que afinal foi tudo montado, e na final revelaram que era um embuste para chamar as atenções sobre a falta de orgãos para transplante. Os doentes renais eram a sério e sabiam do que se estava a passar e a doadora não ia doar coisa nenhuma, claro.
De mau gosto ? Sim.
Mas lá que se falou, falou. Como se costuma dizer, a má publicidade sempre é publicidade.

Alecrim disse...

Extremo mau gosto, a sério ou a brincar.

AnaBond disse...

muito mau gosto, sim.
enfim.

(beijoca)

Carla O. disse...

Infelizmente já não sabem o que inventar mais e o pior é que dizem sempre que vão de encontro à vontade e gosto do público...
Bjs

joana disse...

Degradante...