02 fevereiro 2010

Pequenos momentos

faias - Fontelo


A forma verdadeira de apreciarmos a vida é vivermos cada pequeno momento intensamente.
Com o corre-corre diário esqueço-me de ver as pequenas coisas verdadeiramente importantes. Os sorrisos dos filhos, aquela letra daquela música, o raiar do sol entre as faias do Fontelo, o frio cortante das manhãs visienses, apreciar o almoço cozinhado pelo homem com quem partilho a vida, os dias dos últimos 26 anos.
Aquela piada da filha grande, aquele acepipe do filho maior.
De fazer aquele alfinete sonhado para aquela camisola, mas que o tempo não sobra porque a roupa espera para estender, passar, dobrar, o fato de palhaço para o carnaval escolar do filho menor que é preciso inventar (aceito inspiração), acompanhar o estudo da preparação para a ronda de testes da filha pequena.

Num momento zen costuro umas almofadas com os meus amados mochos.
E assim se vai vivendo Fevereiro, o mais pequeno.


almofadas com mochos em relevo - frente
verso

3 comentários:

A mãe que capotou disse...

Toda a gente sabe que é nos pequenos instantes que esta a felicidade, mas porque é que sera tão dificil fazer o que aparentemente é o mais facil ...

オテモヤン disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.
Mamã Martinho disse...

Acho que muitas vezes aprendemos muito tardiamemente a apreciar estes pequenos momentos. O importante é o chegar-mos a apreciar.
Não tenho sugestões para o fato, infelizmente. Quanto ás almofadas adorei!

Bjs

Mónica